Telemedicina: Inclua essa inovação no rol de benefícios da sua PME!

A telemedicina é um exemplo claro de como a tecnologia está evoluindo no mundo atual. Felizmente o Brasil tem acompanhado essa tendência que já está consolidada nos países mais desenvolvidos e, graças à redução de custos, está tornando os planos de saúde mais acessíveis para as PMEs, que estão utilizando esse benefício como uma vantagem competitiva perante aos seus concorrentes, mesmo não atuando diretamente no segmento de saúde.

O mundo tem passado por uma transformação digital enorme, e o Brasil tem acompanhado essa tendência. Eu diria que isso ocorre em todos os segmentos da sociedade e está diretamente ligado à questão da redução de custo operacional.

Essa “revolução digital” tem ganhado espaço em mercados que, em algumas décadas atrás, era algo inimaginável, como a educação e a saúde.

Não é de hoje que o comportamento humano tem mudado. Durante a pandemia, esse processo foi acelerado, em especial a comunicação entre duas pessoas. Com isso, passaram a usar ainda mais as ferramentas de comunicação que possibilitam interagir, comunicar e ver as pessoas, sem que haja a necessidade de estar presencialmente lado a lado, como as chamadas de vídeo e as ligações telefônicas.

Essa evolução não fica restrita apenas à comunicação propriamente dita, pois os aplicativos e smartphones têm assumido um papel fundamental em nossas rotinas. Por meio deles, temos acesso a diversos setores, tais como órgãos públicos, supermercados, serviços de comida, etc. Porém a pandemia do coronavírus acelerou muito esse processo, e a medicina não ficaria de fora.

A aplicação da telemedicina surgiu de maneira emergencial, mas essa tecnologia já vinha sendo desenvolvida e maturada há alguns anos. Seu uso ficava restrito aos profissionais da saúde, porém, devido à urgência, essa tecnologia se estendeu aos pacientes. A tendência é que seja um caminho sem volta, aliás, um caminho que deve crescer e muito daqui para frente.

Você sabe o que é a telemedicina?

O objetivo da telemedicina é simples: colocar médico e paciente em contato sem que os dois estejam presentes no mesmo espaço físico. Porém, a telemedicina não fica restrita apenas a consultas. Algumas universidades, por exemplo, costumam atender profissionais de saúde gratuitamente para esclarecer dúvidas, pedir consultoria e até estudar.

Telemedicina

A Telemedicina já é uma realidade em muitos países, inclusive no Brasil. No início do ano passado, os deputados federais autorizaram consultas de maneira remota, enquanto a pandemia durar. Depois disso, o Conselho Federal de Medicina (CFM) irá retomar o assunto sobre a regulamentação
dessa prática que, provavelmente, não deverá ser interrompido.

Ela já está consolidada em outros continentes e o Brasil já conta com inúmeras plataformas de serviços de telemedicina que prestam este atendimento. São profissionais de saúde especializados e treinados para prestar este serviço, e muitos pacientes também já se adaptaram a este tipo de atendimento. Eles perceberam que essa tecnologia é confiável e uma ótima solução para a nossa realidade, porque, além de trazer conforto, representa redução de custo para todos os envolvidos.

Os benefícios da telemedicina

Os benefícios são muitos! É indiscutível a economia de tempo e de gastos, com a dispensa dos deslocamentos para consulta, por exemplo. Sem contar o benefício de poder falar com o médico em qualquer lugar e horário.

O benefício de evitar o risco de exposição a qual o paciente fica sujeito quando se dirige a uma unidade de pronto atendimento, que vai desde um acidente de trânsito e violência urbana até mesmo à possibilidade de contrair outras doenças no ar dentro dos hospitais.

Sem contar que as pessoas com dificuldades de deslocamento devido a deficiências físicas e visuais ou até mesmo em decorrência da idade, que deixam de ir ao médico e fazer tratamentos, agora terão suas vidas facilitadas.

Telemedicina nos planos de saúde

De acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), os beneficiários de planos de saúde terão o direito de passar pela telessaúde ou telemedicina através de rede referenciada – da mesma forma que ocorre nas consultas presenciais.

Caso aconteça de o prestador de serviço não pertencer à rede de atendimento do plano do beneficiário, o usuário do convênio terá o direito de pagar a consulta e solicitar o reembolso, se o contrato do beneficiário tiver cláusula prevendo essa opção.

Custos menores

Para as PMEs, a telemedicina também é uma ótima notícia, porque, em tese, uma clínica precisa de investimento na infraestrutura, na logística e no quadro de funcionários. Haverá também economia de espaço físico nos consultórios e de gastos para impressão e armazenamento.

Com a telemedicina, é possível ter um sistema on-line, permitindo o armazenamento de todos os arquivos de todos os pacientes em uma única plataforma. Com isso, o paciente poderá acessar as informações de diferentes computadores.

Com a telemedicina, a expectativa dos convênios e administradoras é que, sem esses custos, a operação se torne mais barata, possibilitando o repasse desse benefício para seus clientes, o que permitirá que mais pessoas e, até mesmo empresas de porte menor, tenham acesso aos convênios, possibilitando contratar esses benefícios para seus empregados.

O valor despendido em saúde não é um gasto e, sim, um investimento, pois o retorno financeiro é certo! Não é de hoje que diversos empresários de pequeno e médio porte têm tido essa consciência e tem usado esse benefício para atrair profissionais qualificados e manter os bons profissionais motivados, focando no aumento da produtividade e fazendo com que a rotatividade de funcionários seja menor. Isso possibilita a redução de custos com rescisões e processos seletivos e também ajuda as PMEs a fazer um planejamento e investimentos eficazes com retorno garantido.

Com o avanço da tecnologia, ferramentas importantes estão surgindo como aliadas das pequenas e médias empresas. A telemedicina é uma delas, pois possibilita o aumento da produtividade e a redução de custos das empresas, tornando-se um benefício mais acessível. Isso possibilita que o funcionário cuide não só da sua própria saúde física e mental como a de seus familiares.

Agora que você descobriu vários benefícios da telemedicina, busque mais informações sobre esse assunto e veja outras vantagens que a tecnologia pode trazer para a sua empresa e para seus clientes.

Saia na frente de seus concorrentes, não fique para trás! Torne a sua empresa a protagonista do seu segmento e desfrute do sucesso com muita saúde!

Compartilhar

Confira também: