Tem sentido dor de estômago? Veja algumas dicas para suavizar e também evitá-la.

Em alguns casos a ansiedade e o estresse comprometem essa área. Os nervos tendem a se concentrar nesta parte do corpo.

É uma dor comum, mas que tem que ser controlada para que não originem problemas mais graves.

Esse desconforto acontece também por motivo de lesões causado por excesso de bebida alcoólica, medicamentos ou pela bactéria H.Pylori que aloja no estômago prejudicando a barreira protetora e estimula a inflamação.

Esses hábitos diminuem o muco que age como uma barreira contra o ácido clorídrico, ajudando no processo inicial da digestão para depois absorção dos nutrientes.

A partir disso surgem as primeiras lesões no estômago, que podem virar uma gastrite ou evoluir para uma úlcera (ferida aberta).

Sintomas:

  • Barriga inchada
  • Anemia
  • Intolerância alimentar
  • Vômitos ou náuseas
  • Fezes de cor escura
  • Dor ou sensação de ardor na área baixa abdominal
  • Sentir-se saciado mesmo comendo pouco

Para evitar o problema, segue abaixo uma lista de alimentos que fazem bem para o estômago:

Couve

é um dos mais indicados por ter propriedades cicatriciais e trazendo o efeito de anti-inflamatório e curar lesões estomacais. 

Brócolis

O brócolis tem uma substância que agride a bactéria H.Pylori. Estudos foram realizados e quem participou teve o direito de comer 100 gramas de brotos de brócolis todos os dias, durante 8 semanas. Após esse período, foi notada baixa presença da bactéria.

Batata crua

o suco de batata crua é uma ótima opção natural para neutralizar a acidez do estômago, aliviando os sintomas de azia e dor de estômago.

Alface:

Um bom remédio é tomar o chá de alface todos os dias, porque é um antiácido natural.

Gengibre

Relaxa, desinflama e melhora a digestão.

Sálvia e Camomila

Elas têm o poder sedativo, reduzem a dor e a inflamação.

Essas foram dicas naturais, mas não deixe de se consultar com um médico e fazer os exames necessários, pois, apenas um especialista poderá dar o diagnóstico e informar o melhor tratamento.

 

 

Compartilhar

Confira também: